Em edição histórica, Brasil Ride traz desafio especial em busca dos ‘Reis da Montanha’

Em edição histórica, Brasil Ride traz desafio especial em busca dos ‘Reis da Montanha’


Principal ultramaratona de mountain bike das Américas, a Brasil Ride chega à 10ª edição e traz uma motivação extra aos grandes nomes do ciclismo mundial. Durante três etapas, os competidores de todas as categorias testarão os seus limites e habilidades na segunda edição do Red Bull Zera o Pico em busca de prêmios exclusivos e dos títulos de Rei e Rainha da Montanha. Atual campeão do desafio, o brasileiro Henrique Avancini tentará novamente chegar ao lugar mais alto do pódio.
Em 2019, o Red Bull Zera o Pico aumentará o nível de dificuldade aos participantes. Ao longo de três etapas, os competidores serão desafiados individualmente a encarar trechos específicos de subida no menor tempo possível. Quem completar este intervalo sem tirar o pé do pedal naquele dia terá decréscimo de 20 segundos no tempo final do período. Ao término, os atletas, nas categorias feminina e masculina, que obtiverem os menores tempos no geral, vencem a competição.

Henrique Avancini
Foto: Red Bull

A conquista do Red Bull Zera o Pico foi diferente e bastante desafiadora, principalmente porque ocorre dentro de uma prova que já é marcante e demanda muito dos atletas. O mais importante é saber se poupar ao longo das etapas para encarar o trecho, pois é uma tarefa e tanto para qualquer atleta, de qualquer nível. O segredo é chegar com alguma coisa na reserva e encarar o desafio”, afirma o brasileiro.

Dentre os amadores, o sul mineiro Lucas Ramalho, foi o grande vencedor do desafio, conquistou a sonhada camisa, e marcou presença ao lado de Avancini na premiação oficial.


Henrique Avancini e Lucas Ramalho, vencedores do desafio Red Bull Zera o Pico na edição 2018 do Brasil Ride.
Foto: Red Bull
O Red Bull Zera o Pico acontecerá nos próximos dias 23, 24 e 25 dentro do percurso oficial da Brasil Ride 2019. O primeiro dia do evento especial ocorrerá em um percurso de 1.2km, na cidade de Guaratinga. O segundo, em trecho de 1.1km, com 100m de altimetria, em estrada de terra do km 80 até o km 81.1km, nas proximidades de Porto Seguro. Por fim, a última etapa transcorrerá na terceira volta do percurso do dia, em trecho com 1.020m de distância e 25m de desnível, localizado no km 16.3, em Arraial D’Ajuda.
Automaticamente, todos os participantes da Brasil Ride estão inscritos no Red Bull Zera o Pico. E a disputa pelo título está ainda mais acirrada nesta temporada, pois o pelotão é composto por consagrados nomes do esporte, como Henrique Avancini, segundo colocado no ranking mundial da UCI na categoria XCO; os campeões olímpicos Jaroslav Kulhavy (CZE) e Bart Brentjense (HOL); o campeão europeu Alexey Medvedev (RUS); e o atual vice-campeão mundial de maratona Kristian Hynek (CZE).
Como premiação, os grandes vencedores ganharão a camiseta de campeão de Rei/Rainha da Montanha Red Bull, um troféu do desafio, além da inscrição para o Festival Brasil Ride 2020. E o público poderá acompanhar o ranking dos participantes e mais informações por meio do site oficial do Red Bull Zera o Pico.