Qual o melhor histórico? Usada em trilha ou pista?

Rafael Corretor:

Qual a opinião dos amigos?
Ao se analisar uma moto usada para compra é melhor ela ter sido usada em trilha ou em pista.
Levemos em consideração uma CRF 230 pois a mesma é usada nas duas finalidades.

Udnan:

Rafael, acho que tanto faz, o mais importante é o estado da moto e da forma com que foi tratada....
Uma boa inspeção do que conhecemos dá pra perceber isso e se possivel levar a um mecanico de confiança

abraços

Vidigal:

eu acho que a pista é pior pra moto internamente, a suspensao é usada no maximo, e o motor é utilizado perto do seu limite constantemente (isso se tratando de 230, nao to falando de 450!!!), porem os plasticos e estetica da moto continuam bons
já na trilha não se usa tanto motor e tanta suspensão igual nas pistas, porem esteticamente a moto fica pior, plasticos mais feios arranhados, balança e protetores de bengala arranhados, etc.

murilo_cb:

depende é do dono, se for aqueles trilheiro doido que entra em agua funda, sobe serra moendo embreagem... mesmo sendo roia e andando pouco a moto se acaba rapidinho.

GELOUS:

Sempre tive a opinião, e continuo tendo, de que pista destroi MUITO menos a moto do que as trilhas.

Considerando dois pilotos de mesmo nível, a moto de pista estará mais nova SEMPRE. Isso porque na pista a moto é usada em condições "constantes", digamos assim, ou seja se acelera muito, mas a moto tá sempre circulando, sempre pegando vento, além do que a qualquer momento se pode parar, dar uma conferida geral, etc. É um ambiente controlado.

Na trilha a moto passa por situações totalmente inesperadas, pega trechos travados sem ventilação nenhuma, em seguida passa dentro de rio, vai subir um morro e toma tombo e vira de cabeça pra baixo, etc. Além do que, se tiver um probleminha qualquer no meio da trilha, que não pare a moto, dificilmente vc verá alguém conferindo no meio da trilha se tá tudo ok com a moto.

Isso falando da parte mecânica, porque da parte estética não tem nem o que comentar. Os arranhões da minha moto são todos de trilha.

joaogabriel:

eu faço trilhas e ando em pista com a mesma moto, e acho que a trilha acaba bem mais com ela! na pista eu elevo o giro ao máximo, suspensão usa mais curso mas não chega a bater no fundo, motor trabalha mais refrigerado, etc etc, troco sempre o óleo do motor, e ele ta sempre zeradinho!
na trilha eu tenho até pena dela, enrola o cabo e vai varando por cima das pedras, roda traseira flutua e dale no chão, é trancão na caixa, cubo/relação, usa a embreagem muito mais, ferra a campana, as vezes o motor sobe apanhando, motor aquece muito mais..... moto de pista pra mim é o que ha, além de ta bem mais bonita de estética, no meu ponto de ver, é muito mais conservada de mecânica

Gabrielsul:

quando fui comprar minha especial, todo mundo falaava cuida pra nao pegar uma de pista!
mai sei la, a peguei a minha de pista e tava com motor show!!!

isaque junior:

Emelhor comprar moto de trilha.Porque moto de cross anda quase sempre no maximo mais em caso de beleza a de pista é melhor.

Gargamel:

Bixos, moto de cross foi feita pra andar no máximo mesmo.

Alguem aqui acha q uma suspensão showa ou onlis estraga em saltos ?

Se o cara não for iniciante ( e considero que a pergunta é pra uso normal em pista ) vai imendar os saltos e pra quem anda d cross sabe q assim o pouso é super suave, muito menos agressivo à suspa que uma descida de morro cheira d buracos ou uma pancada em pedras.

Motor então, nem se fala. Um treino de 1 hora numa pista rodando no pau direto é muito menos prejudicial que 10 minutos numa trilha travada, a moto esquenta, o motor fica em baixo giro, a lubrificação é pior, embreagem é acionada direto...

Imagine a relação da moto, rolamentos, sendo utilizada em trilha com agua, lama, etc...

Sem contar que quem anda no cross normalmente é muito mais chato com a moto q quem anda em trilha, tem suas excessões, mas se for pra achar uma moto boa a chance dela ser encontrada numa pista é muito maior q numa trilha.

apalareti:

O melhor histórico em ordem de importância é:

1 - Um dono zeloso (manutenção em dia, peças de reposição de boa qualidade, mantem pneus, relação, pastilhas, e etc...)
2 - De quem sabe andar (que não fique fritando embreagem, andando fora de giro, que não fica dando back flip nas subidas, caindo em tudo que é buraco, e etc...
3 - De pista ( suspensão trabalha menos, motor trabalha mais porém menos horas, dificilmente ferve, cambio sofre menos que na buraqueira, etc...)
4 - De trilha (muitas horas, suspensão trabalha muito, lixa muito a moto, destroi rolamentos, e se não souber andar então... ai melhor cair fora)

OrlandoMX:

Assino embaixo das respostas do Gelous, Garga e Pala, trilha moe mais, mas depende do dono, Pala faz trilha e a motoca dele é sempre um brinco, conheço nego que faz pista só e nunca trocou um filtro de oleo, moe e vende moida !!!

Udnan:

Estão levando em conta o que ele perguntou... uma CRF 230 ?

Ricardo:

Acho que a resposta do pala é a melhor mesmo... o que mais importa é o capricho do dono e não o uso, dono porco destrói moto até andando na rua.

Selvagem:

O que importa é o dono da moto ser caprichoso. Se for caprichoso, ele vai fazer a manutenção correta independente do local de uso. Se estragou, chegou na hora troca, a manutenção vai ser feita e isto é o que importa.

Concordo que de visual a moto de pista fica melhor, os plásticos sofrem menos.

SPYder:

GELOUS escreveu:Na trilha a moto passa por situações totalmente inesperadas, pega trechos travados sem ventilação nenhuma, em seguida passa dentro de rio, vai subir um morro e toma tombo e vira de cabeça pra baixo, etc. Além do que, se tiver um probleminha qualquer no meio da trilha, que não pare a moto, dificilmente vc verá alguém conferindo no meio da trilha se tá tudo ok com a moto.
A minha só brinquei em pista e em nenhum dia não ficou um pouco de cabeça pra baixo.


/roiaman

apalareti:

Udnan escreveu:Estão levando em conta o que ele perguntou... uma CRF 230 ?
Tantufas... Todas as motos merecem carinho hehehehehehe...

Udnan:

Tantufas numas né

Se vc ler o que escrevi de cara, foi sobre cuidado e o tratamento com o moto

Ele perguntou de CRF 230, ai já falaram de suspensao showa, onlins, motor de moto de MX....

Ai o papo vira de doido rsss CRF 230 brava essa hein rsss

Abraços

apalareti escreveu:
Udnan escreveu:Estão levando em conta o que ele perguntou... uma CRF 230 ?
Tantufas... Todas as motos merecem carinho hehehehehehe...

Gargamel:

Udnan escreveu:Tantufas numas né

Se vc ler o que escrevi de cara, foi sobre cuidado e o tratamento com o moto

Ele perguntou de CRF 230, ai já falaram de suspensao showa, onlins, motor de moto de MX....

Ai o papo vira de doido rsss CRF 230 brava essa hein rsss

Abraços

apalareti escreveu:
Udnan escreveu:Estão levando em conta o que ele perguntou... uma CRF 230 ?
Tantufas... Todas as motos merecem carinho hehehehehehe...
KKKKKKK!!!!!!!!!!!

Tem aquela última do Polaco !! a 230 Dungey !!!!!!!! aquela é braba !!!! rsrs....

Zenha:

Eu tenho as duas cuido delas como de duas donzelas e posso te garantir com toda certeza do mundo que a moto de pista desgasta muito menos, e olha que eu não sou de ficar caindo o tempo todo em trilha , mas não tem como a trilha roi o caroço do pequi , acho que em uma 230 é ainda pior que em motos importadas feitas para o pau .

Ontem fiz uma trilhinha a tarde , caracas meu dá dó o tanto de porrada que as motos levam , já no cross ou cross country que apanha é a gente hehhehe

Rafael Corretor:

Bom,agora depois de tanta idéia (todas bem fundamentadas) eu vou dizer oque acho:

Acredito que moto de pista é mais bem conservada, porém temos que avaliar o dono porque tem relaxado que nem sabe pra serve o filtro de ar.

Trilheiro por natureza é mais desleixadão bota pra derreter, pista é mais controlado, tipo se a pista não ta do jeito nem baixa a moto e tal.

Prefiro moto de pista, até porque não faço trilha, curto demais um crosscountry mas trilha nunca fiz.
Mas tem o agravante da paixão, nego olha pra motinho ela olha pra ti e aí bruxo, fudeu, ela vai ter que ser sua, não importa o que ela fazia.

tipo tirar mulher da zona pra casar